Como utilizar o vídeo em suas estratégias de marketing de conteúdo?

A popularização da internet a transformou em uma ferramenta de entretenimento, comunicação, divulgação e venda, criando uma cadeia comercial que pode ser acessada de qualquer lugar do mundo. Ser destaque em um universo competitivo como esse levou as empresas a investirem em ações de Marketing Digital e de Conteúdo em busca de engajamento, interação e aproximação do consumidor para guiá-lo durante a decisão de compra.

Dinâmicos e interativos, os vídeos têm papel importante nessas estratégias por sua variedade de canais de divulgação e formatos que são de fácil aceitação e agradam o público. Os temas abordados podem ser institucionais, educacionais, publicitários, entre outros, enquanto as formas de vídeo no Marketing de Conteúdo variam de acordo com suas próprias vantagens e objetivos.

Crie um planejamento estratégico

Depois de levantar dados e analisar informações, crie um planejamento estratégico completo traçando objetivos e metas detalhadas. Esse é o momento de criar conteúdos que ultrapassem a publicidade para oferecer uma experiência positiva e profunda ao espectador, então, encolha temas relacionados à sua área de atuação com informações que o público busca, apresentando-as de forma interessante. Uma loja de cosméticos pode fazer vídeos com tutoriais de maquiagem, dicas de cuidados com a pele e reviews de produtos, por exemplo. Esses vídeos também servem como complemento dos posts no blog e de outros vídeos.

Por ser uma das ferramentas mais flexíveis e aplicáveis, os vídeos podem ser utilizados pela empresa de diversas maneiras para atrair o público. Veja quais atitudes seguir ao incluir o vídeo no Marketing de Conteúdo da empresa:

  • Produza vídeos com som e imagem de qualidade para mostrar credibilidade e autoridade no tema. Lembre-se que o consumidor só consegue confiar naquilo que entende muito bem;
  • Selecione o conteúdo certo, afinal, produzir um vídeo que não desperta o interesse do público não faz sentido. Fale o que o consumidor quer ouvir, criando conteúdo relevante, diferente, inovador e inspirador;
  • Encontre o canal que o público está para postar e divulgar o vídeo, gerar engajamento e fortalecer o SEO da marca. Youtube, Instagram, Facebook e Vimeo são algumas das opções;
  • Inclua estratégias de divulgação e compartilhe o material em outras plataformas e canais que o público está como outras redes sociais, blog e e-mail marketing, por exemplo;
  • Seja objetivo e vá direto à informação. Além de deixar o espectador impaciente, a empresa compete com o bombardeio de informações que o consumidor recebe;
  • Analise os resultados para saber se a campanha está dando certo e o que funciona melhor com o público. Preste atenção nos feedbacks, analise os números dos relatórios e faça comparativos para detectar erros, acertos e melhorar a qualidade dos vídeos;

Saiba como incluir vídeo no marketing de conteúdo

Um vídeo bem feito é fácil de digerir e entender por ser divertido de assistir e dar à empresa controle total sobre o que está falando, evitando cortes de informações e ruídos de comunicação. Apresente conteúdos em diferentes formatos, como:

  • Tutoriais: permitem a apresentação dos produtos da marca de uma forma não comercial. A ideia aqui é apresentar como aquele produto ou serviço é funcional para o consumidor e soluciona seus problemas;
  • Institucionais: sem citar preços, aqui a empresa ganha abertura para dar informações sobre a marca, produto e serviço contando sua história, mostrando novidades e trazendo estatísticas de mercado;
  • Promocionais: a empresa ganha abertura para mostrar preços, promoções e condições de pagamento;
  • Educacionais ou Treinamentos: a empresa tem a oportunidade de educar o consumidor com informações que vão além dos relatórios e manuais. É possível gerar conhecimento para o consumidor ensinando mais sobre o universo da sua empresa, oferecendo cursos de culinária ou treinamentos sobre marketing digital, por exemplo;
  • Testemunhos: o consumidor potencial está louco para saber o que o seu cliente pensa. Convide alguns deles para gravar depoimentos contando sobre a experiência positiva que têm com a marca. A tarefa não é complicada, basta identificar os mais engajados e fiéis que eles te ajudarão a ganhar credibilidade e estreitar relações;
  • Resenhas: a empresa pode gravar ela mesma ou convidar uma pessoa que seja autoridade no assunto para fazer resenhas sobre a marca e os produtos que oferece.

Leia também: Por que criar um blog pode te ajudar a educar o seu mercado?